• 455 Martinson, Los Angeles
  • 8 (043) 567 - 89 - 30
  • support@email.com

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Tempurá

Há dois tipos de tempurá. Um deles, o que servem, geralmente nos restaurantes, com os legumes e frutos do mar fritos em separados, e outro, servido em feirinhas de artesanato, com todos os legumes misturados e fritos como bolinhos ou, melhor dizendo, bolões, extremamente engordurados, mas aos quais ninguém resiste. Faço só o tipo restaurante, mais fácil de controlar, na hora de fritar, mas, no finzinho, frito alguns “bolinhos”, menores, também mais fáceis de controlar.

Tempura (em japonês てんぷら ou 天麩羅, tenpuraé um prato clássico da culinária japonesa. Consiste de pedaços fritos de vegetais ou mariscos envoltos num polme fino. A fritura é realizada em óleo muito quente, durante apenas cerca de dois ou três minutos.

História e variações

A receita do tempura foi introduzida no Japão por missionários portugueses ativos particularmente na cidade de Nagasaki fundada igualmente por portugueses, durante o século XVI. A origem mais aceita hoje da palavra tempura baseia-se no fato que os Jesuítas não comiam carne vermelha durante a Quaresma, em latim "ad tempora quadragesimae", preferindo o consumo de vegetais e frutos do mar. Outras hipóteses da origem incluem a palavra tempero e o verbo temperar.

Hoje em dia ainda existe um prato em Portugal muito semelhante à tempura, denominado peixinhos da horta, que consiste de pedaços de feijão-verde fritos envoltos num polme geralmente mais espesso que o da tempura. Existem ainda algumas variações sobre este prato, usando tipos diferentes de legumes, tais como a abóbora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Volte para o

Postagens mais visitadas

Popular Posts

Visite e

Navigation

Google+ Followers